segunda-feira, 24 de junho de 2013

Bancada ficha-suja: Entenda o porquê de tantos parlamentares evangélicos se declararem favoráveis à PEC 37


Imagem:IstoÉ


Muitos parlamentares evangélicos, bem como, os líderes que estes representam, são alvo de investigações do Ministério Público e possuem pendências com a justiça 


REDAÇÃO

A resposta a questão formulada no título desta matéria foi dada na forma de brado pela maioria dos  leitores que deixaram comentários e reações na matéria "Deputados Evangélicos " SEM fome e sede de justiça"? Conheça os ungidos favoráveis a PEC 37",  publicada ontem no Genizah. 

Aos leitores precisando de subsídios para tirar as suas próprias conclusões , oferecemos a lista de deputados evangélicos com pendências na justiça. O levantamento foi realizado, por alguns veículos (1), a partir de informações da Transparência Brasil.



Revela-se uma estranha coincidência (?) entre a lista dos deputados federais evangélicos favoráveis a PEC 37 (AQUI) e lista dos deputados evangélicos ficha-suja. Naturalmente, há quem tenha a ficha limpa e não figure na lista a seguir e há também muitos deputados evangélicos contra a PEC 37. Pelo menos uns 31, segundo a nossa avaliação. Contudo é perturbador constatar o enorme percentual de deputados engajados na luta a favor da impunidade, onde muitos destes estão, claramente, querendo legislar em causa própria.
A falta de compromisso destes parlamentares com o a justiça acentua-se com a hipocrisia de suas propostas corporativas ou obscurantistas.

O paladinos da moralidade alheia respondem a processos na Justiça Eleitoral e no foro privilegiado do STF (Supremo Tribunal Federal). A maioria é a favor da PEC 37, proposta que reduz a capacidade de investigação, justamente, dos crimes de "sua preferência", como atesta a lista, a seguir.

Entre os deputados integrantes da Bancada Evangélica com pendências na Justiça, a maioria responde a acusações como peculato (furto ou apropriação de bens ou valores públicos), improbidade administrativa, corrupção eleitoral, abuso de poder econômico, sonegação fiscal e formação de quadrilha. Enfim, crimes do colarinho branco onde a atuação das instituições que a PEC 37 pretende amarrar têm sido decisiva nestes últimos anos.
Lista dos deputados que compõem a bancada evangélica e que estão prestando contas à Justiça. O levantamento foi feito pela organização não governamental Transparência Brasil.

Assembleia de Deus

Deputado Hidekazu Takayama
Hidekazu Takayama – PSC/PR
TRF-1 (Seção Judiciária do Distrito Federal) – Processo 0031294-51.2004.4.01.3400 - de Ação civil pública movida pelo Ministério Público Federal. STF – Inquérito nº 2652/ 2007 - Inquérito apura crimes contra a ordem tributária, estelionato e peculato.
Deputado Sabino Castelo Branco
STF – Processo nº 538 - Réu em ação penal movida pelo Ministério Público Federal por peculato. STF – Inquérito nº 2940 - É alvo de inquérito que apura crimes contra a ordem tributária. TSE – Processo nº 504786.2010.604.0000 - É alvo de recurso contra expedição de diploma apresentado pelo Ministério Público Eleitoral por abuso de poder econômico e uso indevido de meio de comunicação social. TSE – Processo nº 874.2011.604.0000 - É alvo de representação movida pelo MPE por captação ou gasto ilícito de recursos financeiros de campanha eleitoral. TRE-AM – Processo nº 90095.2002.604.0000 - Teve reprovada prestação de contas referente às eleições de 2002. TRE-AM – Processo nº 424843.2010.604.0000 - Teve reprovada prestação de contas referente às eleições de 2010. TRE-AM – Processo nº 485034.2010.604.0000 - É alvo de representação movida pelo MPE.TRF-1 Seção Judiciária da Amazônia – Processo nº 0001172-68.2007.4.01.3200 - É alvo de ação de execução fiscal movida pela Fazenda Nacional. TJ-AM Comarca de Manaus – Processo nº 0039972-21.2002.8.04.0001 - É alvo de ação civil pública movida pelo Ministério Público Estadual.
Deputado Ronaldo Nogueira
Ronaldo Nogueira – PTB/RS
TCE-RS (processo 008255-02.00/ 08-2) – Irregularidades na gestão da Câmara de Carazinho. TCE-RS (processo 001084-02.00/ 01-0) – Idem. TCE-RS (processo 010264-02.00/ 00-4) – Idem.
João Campos de Araújo – PSDB/GO
TRF-1 (Seção Judiciária do Distrito Federal – processo 0031294-51.2004.4.01.3400 - É alvo de ação civil pública movida pelo Ministério Público Federal.
Deputado evangélico da Conceição Costa Ferreira
TRF-1 (Seção Judiciária do Distrito Federal) – processo 0031294-51.2004.4.01.3400 - É alvo de ação civil pública movida pelo Ministério Público Federal. É alvo de ações de execução fiscal movidas pelo município de São Luís: TJ-MA Comarca de São Luís – Processo nº 7092-32.2007.8.10.0001TJ-MA Comarca de São Luís – Processo nº 1793-35.2011.8.10.0001
deputada evangélica Antônia Câmara
TRE-AC – processo 497/ 2002 - Teve reprovada a prestação de contas referente às eleições de 2002. É alvo de ações penais movidas pelo Ministério Público por crimes eleitorais (peculato/captação ilícita de votos ou corrupção eleitoral). STF – processo 585STF – Processo nº 587TRE-AC – processo 177708/ 2010 - É alvo de inquéritos que apuram crimes eleitorais e contra a administração em geral: STF – inquérito 3083TRE-AC – Inquérito 245STF – Inquérito nº 3133. É alvo de ações de investigação judicial eleitoral por abuso de poder econômico: TRE-AC – processo 142143/ 2010TRE-AC – processo 178782/ 2010TRE-AC – processo 142835/2010. É alvo de representações movidas pelo MPE por captação ilícita de sufrágio e/ ou captação ou gasto ilícito de recursos financeiros de campanha eleitoral: TRE-AC – processo 180081/ 2010TRE-AC – processo 194625/ 2010 e TRE-AC – processo 142058/ 2010
deputado evangélico Cleber Verde Cordeiro Mendes
STF – processo 497/2008 - É alvo de ação penal movida pelo Ministério Público Federal por crimes praticados contra a administração em geral (inserção de dados falsos em sistema de informações). TRE-MA – processo 603979.2010.610.0000 - É alvo de ação de investigação judicial movida pelo Ministério Público Eleitoral por uso de poder político e conduta vedada a agentes públicos. 18 - Anderson Ferreira Rodrigues – PR/PE
deputado evangélico Nilton Capixaba
Nilton Baldino (Capixaba) – PTB/RO
STF – Processo nº 644 - Acusado de envolvimento com a máfia das ambulâncias, é réu em ação penal movida pelo Ministério Público Federal por corrupção passiva, lavagem de dinheiro e formação de quadrilha. TRF-1 Seção Judiciária do Distrito Federal – Processo nº 0031294-51.2004.4.01.3400 - É alvo de ação civil pública movida pelo MPF. TRF-1 Subseção Judiciária de Ji-Paraná – Processo nº 0000432-26.2007.4.01.4101 - É alvo de ação de improbidade administrativa movida pelo MPF por envolvimento com a máfia das ambulâncias.
deputado evangélico Silas Câmara
Silas Câmara – PSC/AM
STF – inquérito 2005/2003 - É alvo de inquérito que apura peculato e improbidade administrativa. STF – inquérito 3269 e STF – inquérito 3092 - É alvo de inquéritos que apuram crimes eleitorais. TRF-1 Seção Judiciária da Amazônia – processo 0004121-02.2006.4.01.3200 - É alvo de ação de improbidade administrativa movida pelo Ministério Público Federal. É alvo de representação e ações de investigação judicial movidas pelo Ministério Público Eleitoral por captação ilícita de sufrágio e abuso de poder econômico: TRE-AC – processo 180081.2010.601.0000TRE-AC – processo 142835.2010.601.0000TRE-AC – processo 178782.2010.601.0000TRE-AM – processo 73203919.2005.604.0000 - O PTB teve reprovada a prestação de contas referente ao exercício financeiro de 2004, quando o parlamentar era ordenador de despesas do partido em nível estadual.
deputado evangélico Zé Vieira
É alvo de inquéritos que apuram crimes de responsabilidade, peculato e sonegação de contribuição previdenciária: STF – inquérito 3051STF – inquérito 3078STF – inquérito 2945STF – inquérito 2943STF – Inquérito 3047. É alvo de ações civis públicas, inclusive de improbidade administrativa, movidas pelo Ministério Público e pelo município de Bacabal: TRF-1 Seção Judiciária do Maranhão – processo 0005980-37.2008.4.01.3700TJ-MA Comarca de Bacabal – processo 378-16.2009.8.10.0024TJ-MA Comarca de Bacabal – processo 1771-15.2005.8.10.0024TJ-MA Comarca de Bacabal – processo 279-56.2003.8.10.0024. É alvo de ações de execução movidas pela Fazenda Nacional — por exemplo: TRF-1 Subseção Judiciária de Bacabal – processo 0000629-69.2011.4.01.3703TRF-1 Subseção Judiciária de Bacabal – processo 693-79.2011.4.01.3703TRF-1 Subseção Judiciária de Bacabal – processo 0000908-55.2011.4.01.3703TJ-MA Comarca de São Luís – Processo 6007-40.2009.8.10.0001. Foi responsabilizado por irregularidades em convênios e aplicação de recursos e teve contas reprovadas: TCU – Acórdão 5659/ 2010TCU – Acórdão 3577/2009TCU – Acórdão 3282/2010TCU – Acórdão 2679/2010TCU – Acórdão 749/2010TCU – Acórdão 1918/ 2008 (teve o nome incluído no TCU – Cadastro de responsáveis com contas julgadas irregulares). TCU – Acórdão 801/ 2008 (teve o nome incluído no TCU – Cadastro de responsáveis com contas julgadas irregulares). TCE-MA – processo 2600/1999TCE-MA – processo 3276/2005.
deputado evangélico Marcelo Theodoro de Aguiar
TRE-SP – Processo 1077244.2010.626.0000 - Teve reprovada prestação de contas referente às eleições de 2010.

Igreja Presbiteriana

deputado evangélico lemos barros quintão
Leonardo Lemos Barros Quintão – PMDB/MG
STF – Inquérito nº 2792 - É alvo de inquérito que apura crimes eleitorais. TJ-MG Comarca de Belo Horizonte – Processo nº 5034047-88.2009.8.13.0024 - É alvo de ação de improbidade administrativa movida pelo Ministério Público Estadual.
deputado evangélico Edmar Arruda
Edmar de Souza Arruda – PSC/PR
STF – inquérito 3307 - É alvo de inquérito que apura crimes contra o meio ambiente e o patrimônio genético.
deputado evangélico Edinho Araújo
Edson Edinho Coelho Araújo (Edinho Araújo) – PMDB/SP
STF – Inquérito nº 3137 - É alvo de inquérito que apura crimes previstos na lei de licitações. TJ-SP Comarca de São José do Rio Preto – Processo 576.01.2009.043791-5 – É alvo de ação de execução fiscal movida pela Fazenda estadual. É alvo de ações de improbidade administrativa movidas pelo Ministério Público Estadual: TJ-SP (segunda instância) – processo 9035424-43.2006.8.26.0000, TJ-SP (Comarca de São José do Rio Preto) – Processo nº 576.01.2010.062759-8. O TCE-SP julgou irregulares processos licitatórios e contratos firmados pela prefeitura de São José do Rio Preto: TCE-SP – processo 2832/008/04TCE-SP – processo 313/008/02TCE-SP – processo 2432/008/07
deputado evangélico Anthony Garotinho
-  Anthony William Garotinho Matheus De Oliveira (Anthony Garotinho) – PR/RJ
É alvo de inquéritos que apuram crimes eleitorais: STF – Inquérito 2601/2007STF – inquérito 2704/2008TRF-2 (Seção Judiciária do Rio de Janeiro – Processo nº 2008.51.01.815397-2 - É réu em ação penal referente à máfia dos caça-níqueis e movida pelo Ministério Público Federal por lavagem de dinheiro, formação de quadrilha, corrupção e crimes contra a administração pública. Chegou a ser condenado a dois anos meio de prisão. A pena foi convertida em prestação de serviços e suspensão de direitos. É alvo de ações de improbidade administrativa: TJ-RJ Comarca de Nova Iguaçu – processo 0026769-53.2005.8.19.0038TJ-RJ Comarca de São Fidelis – processo º 0000249-07.2011.8.19.0051TJ-RJ Comarca do Rio de Janeiro – processo 0050419-80.2004.8.19.0001TJ-RJ Comarca de Campos dos Goytacazes – processo 0011729-64.2009.8.19.0014TJ-RJ Comarca do Rio de Janeiro – processo 0040380-19.2007.8.19.0001TJ-RJ Comarca do Rio de Janeiro – processo 0040412-24.2007.8.19.0001TJ-RJ Comarca do Rio de Janeiro – processo 0039456-08.2007.8.19.0001TJ-RJ Comarca do Rio de Janeiro – processo 0064717-67.2010.8.19.0001TJ-RJ Comarca do Rio de Janeiro – processo 0183480-95.2008.8.19.0001TRE-RJ – processo 764689.2008.619.3802 - Em ação judicial eleitoral, foi condenado por abuso de poder econômico e uso indevido de veículo de comunicação social. A Justiça decretou inelegibilidade.

Igreja Universal do Reino de Deus


deputado evangélico José Heleno da Silva
José Heleno da Silva – PRB/SE
É alvo de ações de improbidade administrativa movidas pelo Ministério Público Federal: TRF-5 Seção Judiciária de Sergipe – processo 0005364-36.2010.4.05.8500TRF-5 Seção Judiciária de Sergipe – processo 0005511-67.2007.4.05.8500 (Acusado de envolvimento com a máfia das ambulâncias), TRF-1 Seção Judiciária de Mato Grosso – processo 0015233-58.2008.4.01.3600 - É alvo de medidas investigatórias referentes à máfia das ambulâncias e conduzidas pelo Ministério Público Federal. O TRE reprovou as prestações de contas do PL referentes aos exercícios financeiros de 2003 e de 2005, quando o parlamentar era dirigente do partido em nível regional: TRE-SE – processo 34792.2004.625.0000
deputado evangélico Vitor Paulo Araújo dos Santos
STF – processo 592 - É réu em ação penal movida pelo Ministério Público por crimes eleitorais.
deputado evangélico Antônio Bulhões
STF – inquérito 2930/ 2010 - É alvo de inquérito que apura peculato. TRF-3 Seção Judiciária de São Paulo – Processo 0044601-82.2002.4.03.6182 – É alvo de ação de execução fiscal movida pela Fazenda Nacional. TRF-3 Seção Judiciária de São Paulo – Inquérito 0005062-78.2003.4.03.6181 – É alvo de inquérito que apura apropriação indébita e crimes contra o patrimônio.
deputado evangélico Jhonatan Pereira de Jesus
TRE-RR – processo 229176.2010.623.0000 - Teve reprovada a prestação de contas referente às eleições de 2010.

Igreja Do Evangelho Quadrangular

deputado evangélico Jefferson de Campos
TRF-1 Seção Judiciária do Distrito Federal – processo 0031294-51.2004.4.01.3400 - É alvo de ação civil pública movida pelo Ministério Público Federal. É alvo de ações de improbidade administrativa movidas pelo MPF por envolvimento com a máfia das ambulâncias: TRF-3 Seção Judiciária de São Paulo – processo 0004928-22.2011.4.03.6100, TRF-3 Subseção Judiciária de Santos – processo 0000249-06.2007.4.03.6104
deputado evangélico de Oliveira
Mário de Oliveira – PSC/MG
TRE-MG – Processo 60069.2011.613.0000 - É alvo de inquérito que apura crime eleitoral. STF – inquérito 2727 - É alvo de inquérito que apura crimes de responsabilidade, contra a ordem tributária e previstos na lei de licitações, além de formação de quadrilha, falsidade ideológica, estelionato e lavagem ou ocultação de bens, direitos ou valores.
deputado evangélico Josué Bengtsons
Josué Bengtson – PTB/PA
TRF-1 Seção Judiciária do Pará – rocesso 3733-02.2007.4.01.3900 - É alvo de ação de improbidade administrativa movida pelo Ministério Público Federal. TRF-1 Seção Judiciária de Mato Grosso – processo 0004032-69.2008.4.01.3600 - Acusado de envolvimento com a máfia das ambulâncias, é alvo de medidas investigatórias conduzidas pelo MPF por crimes previstos na lei de licitações.

Igreja Internacional da Graça


deputado evangélico Jorge Tadeu Mudalen
Jorge Tadeu Mudalen - DEM/SP
TRF-1 Seção Judiciária do Distrito Federal – Processo 0031294-51.2004.4.01.3400 - É alvo de ação civil pública movida pelo Ministério Público Federal.

Igreja Mundial do Poder de Deus

deputado evangélico José Olímpio Silveira Moraes
José Olímpio Silveira Moraes (missionário José Olímpio) – PP/SP
TJ-SP Comarca de São Paulo – Processo 0424086-16.1997.8.26.0053 - É alvo de ação civil pública movida pelo Ministério Público Estadual. TJ-SP Comarca de Itu – processo 286.01.2009.514728-4 – É alvo de ação de execução fiscal movida pelo município de Itu.
deputado evangélico Francisco Floriano
TJ-RJ Comarca do Rio de Janeiro – processo 0139394-68.2010.8.19.0001 - É réu em ação penal movida pelo Ministério Público Estadual por lesão corporal decorrente de violência doméstica.

Igreja Metodista

Walney Da Rocha Carvalho – PTB/RJ
STF – Processo 627 - É alvo de ação penal movida pelo Ministério Público Federal por corrupção passiva. TRE-RJ – Processo nº 197118.2002.619.0000 - Teve reprovada prestação de contas referente às eleições de 2002. É alvo de ações de execução fiscal movidas pelo município de Nova Iguaçu e pela Fazenda Nacional — por exemplo: TRF-2 Seção Judiciária do Rio de Janeiro – processo 0000562-61.2010.4.02.5110TJ-RJ Comarca de Nova Iguaçu – processo 0112599-45.2009.8.19.0038TJ-RJ Comarca de Nova Iguaçu – processo 0083231-88.2009.8.19.0038
deputado evangélico Aúreo
Áureo Lidio Moreira Ribeiro – PRTB/RJ
É alvo de ações de execução fiscal movidas pela Fazenda Nacional e pelo município de Duque de Caxias: TRF-2 Seção Judiciária do Rio de Janeiro – processo 0000153-61.2005.4.02.5110TJ-RJ Comarca de Duque de Caxias – Processo nº 0005413-58.2002.8.19.0021.

Igreja Nova Vida

deputado evangélico Washington Reis
Washington Reis de Oliveira – PMDB/RJ
STF – processo 618 - É alvo de ação penal movida pelo Ministério Público Federal por crimes contra o meio ambiente e o patrimônio genético e formação de quadrilha. STF – inquérito 3192 - É alvo de inquérito que apura crimes eleitorais. É alvo de ações civis públicas, inclusive de improbidade administrativa, movidas pelo Ministério Público: TRF-2 Seção Judiciária do Rio de Janeiro – Processo 0007523-23.2007.4.02.5110TRF-2 Seção Judiciária do Rio de Janeiro – processo 0008324-65.2009.4.02.5110TRF-2 Seção Judiciária do Rio de Janeiro – Processo 0003813-92.2007.4.02.5110 (Foi condenado por improbidade administrativa, pois não houve divulgação de recursos recebidos pela prefeitura de Duque de Caxias. A Justiça determinou a suspensão dos direitos políticos, a proibição de contratar com o poder público ou receber benefícios/ incentivos fiscais ou creditícios e o pagamento de multa). É alvo de ações de execução fiscal movidas pela Fazenda Nacional e pelo município de Duque de Caxias — por exemplo:
TRF-2 Seção Judiciária do Rio de Janeiro – processo 0004113-83.2009.4.02.5110TRF-2 Seção Judiciária do Rio de Janeiro – processo 0004857-78.2009.4.02.5110TJ-RJ Comarca de Duque de Caxias – processo 0223580-32.2008.8.19.0021TJ-RJ Comarca de Duque de Caxias – processo 0223582-02.2008.8.19.0021TRE-RJ – processo 386718.2010.619.0000 - É alvo de ação de investigação judicial movida pelo Ministério Público Eleitoral por abuso de poder econômico. TRE-RJ – processo 772.2011.619.0000 - É alvo de representação movida pelo MPE por captação ou gasto ilícito de recursos financeiros de campanha eleitoral. TRE-RJ – Processo 674343.2010.619.0000 - É alvo de representação movida pelo MPE por conduta vedada a agente público. TCE-RJ detectou irregularidades e emitiu pareceres contrários à aprovação das contas referentes à administração financeira da prefeitura de Duque de Caxias: TCE-RJ – Processo 203.163-8/10TCE-RJ – processo 206.291.7/09

Igreja Cristã Evangélica

deputada evangélica Iris de Araújo
Iris de Araújo Resende Machado - PMDB/GO
TRE-GO – Processo nº 999423170.2006.609.0000 - Teve rejeitada prestação de contas referente às eleições de 2006.

Igreja Cristã do Brasil

Bruna Dias Furlan - PSDB/SP
É alvo de representações movidas pelo Ministério Público Eleitoral por conduta vedada a agentes públicos: TRE-SP – processo 15170.2010.626.0199TRE-SP – processo 1949115.2010.626.0000

Igreja Sara Nossa Terra

STF – inquérito 2984/ 2010 - É alvo de inquérito que apura uso de documento falso. STF – inquérito 3056 - É alvo de inquérito que apura crimes contra a ordem tributária. TRF-1 Seção Judiciária do Distrito Federal – processo 0031294-51.2004.4.01.3400 - É alvo de ação civil pública movida pelo Ministério Público Federal. TJ-RJ Comarca do Rio de Janeiro – processo 0026321-60.2006.8.19.0001 - É alvo de ação de improbidade administrativa movida pelo Ministério Público Estadual. TRE-RJ – processo 59664.2011.619.0000 - Alvo de representação movida pelo Ministério Público Eleitoral por captação ilícita de sufrágio. TRE-RJ – processo 9488.2010.619.0153 - Alvo de ação de investigação judicial eleitoral movida pelo MPE por abuso de poder econômico. TSE – processo 707/2007 - Alvo de recurso contra expedição de diploma apresentado pelo MPE por captação ilícita de sufrágio.




* (1) Com informações de  Paulo Lopes.comTransparência Brasil,  Folha e Congresso em Foco.

Fonte:http://www.genizahvirtual.com/2013/06/bancada-ficha-suja-entenda-o-porque-de.html


Leia Mais em: http://www.genizahvirtual.com/2013/06/bancada-ficha-suja-entenda-o-porque-de.html#ixzz2X9yGILoh
Under Creative Commons License: Attribution Non-Commercial Share Alike

segunda-feira, 10 de junho de 2013

Dez mandamentos para se ouvir um sermão

Dez mandamentos para se ouvir um sermão


Luis A R Branco

1) Seja um leitor assíduo da Bíblia, para estar familiarizado com as passagens bíblicas. E seja também um leitor assíduo de boa literatura cristã, inclusive algumas de cunho teológico, para que esteja familiarizado com as questões teológicas e doutrinárias. O básico é indispensável a todo cristão.

2) Ore pelo pregador, para que Deus o use enquanto ele fielmente expõe a Escritura Sagrada.

3) Ore por si próprio, para que Deus prepare seu coração para receber a Escritura Sagrada sem pressa para que o sermão termine logo e para que você possa aplicá-lo com fidelidade em sua vida.

4) Examine tudo o que você ouvir, confirmando se o que é dito tem base nas Escritura Sagrada e é teologicamente compatível com a doutrina cristã ensinada pelos Apóstolos, Pais da Igreja e Reformadores.

5) Na medida do possível, procure conhecer a idoneidade do carácter do pregador. Um homem de Deus precisa ser integro. No entanto, cuidado para não confundir carácter integro com a expectativa de uma pessoa perfeita e infalível.

6) Cuidado com pregadores que se auto-consagraram e também com aqueles que se declaram ou foram declarados apóstolos, profetas, ungido, pai-postolos, arcanjo, e semelhantes, pois suas palavras corrompem mais do que edificam.

7) Desconfie de toda mensagem que exceda o trivial, em especial se o pregador rejeita ou excede em crítica ao cristianismo histórico. E desconfie também dos pregadores que se declaram portadores de uma nova e exclusiva revelação, pois este é o caminho das seitas e heresias.

8) Não confunda eloquência com unção.

9) Não seja exigente demais quanto a profundidade da mensagem, nem confunda unção com sentimentalismo. Se alegre com a mensagem, ainda que simples, se for bíblica, ainda que já a tenha ouvido outras vezes, ainda assim é a Palavra de Deus.

10) Esteja desejoso por encontrar a Deus na pregação. Como disse Karl Barth: “A Escritura é lugar onde Deus encontra-se com o seu povo.”



Rev. Luis A R Branco escreve em VERDADE NA PRÁTICA



Leia Mais em: http://www.genizahvirtual.com/#ixzz2Vp71Ufob
Under Creative Commons License: Attribution Non-Commercial Share Alike

Cortejo com o corpo do Pr. Jose Neto percorreu as principais ruas de Teresina

Velado desde o inicio da noite de sexta feira (07.06) no Centro de Convenções das Assembléias de Deus do Estado do Piauí – CEADEPI, o corpo do Pr. Jose da Silva Neto, seguiu na tarde deste sábado (08.06) em cortejo pelas as principais vias de Teresina em carro aberto do Corpo de Bombeiros, em direção ao cemitério Parque Jardim da Ressurreição. Milhares de fieis da Igreja Assembléia de Deus e autoridades acompanharam o velório e o sepultamento do Presidente das Assembléias de Deus em Teresina.

Acompanhe mais sobre o Pr. Jose da Silva Neto.
Morreu no início da tarde desta sexta-feira (07/06), vítima de uma infecção pulmonar, o Pr. José da Silva Neto, pastor Presidente das Igrejas Evangélicas Assembléias de Deus em Teresina.
Pr. José Neto foi internado no último dia 26 de maio. Durante toda semana seu quadro era estável, mais se agravou na manha desta sexta-feira.
Pr. José da Silva Neto (Zé Neto)
O Pastor José Neto era natural da cidade de Campo Maior e casado com a srª Anair Ribeiro, converteu-se ao Evangelho em 24.12.1959 em sua cidade natal. Batizado em águas em 26.06.1960, mais tarde foi consagrado ao Diaconato em 30.05.1963 em Teresina (PI), autorizado a Evangelista em 14.12.1965, sendo consagrado ao mesmo cargo em 23.11.1968 na cidade de Campo Maior.
José Neto foi ordenado ao Pastorado em 28.09.1969 na cidade de São João do Piauí (PI). Depois pastoreou Igrejas nas seguintes cidades: Demerval Lobão - PI (1966 - 1971), com ação pastoral em Monsenhor Gil (PI). União - PI (1971-1974), com ação pastoral em Miguel Alves e Lagoa Alegre (PI). Campo Maior - PI (1974-1978), com ação pastoral em Sigefredo Pacheco, Jatobá do Piauí, Nazaré do Piauí. Boqueirão e Cocal de Telha (PI). Guadalupe - PI (1978-1985). Picos - PI (1985-1987). Parnaíba-PI (1987-1997), com ação pastoral em Bom Princípio e Ilha Grande (PI), Teresina - PI, de 1997 até os dias atuais.
Pr. José da Silva Neto (Pr José Neto)
Em Parnaíba, construiu 08 templos evangélicos e administrou uma creche da Visão Mundial com atendimento a 200 crianças. Em Teresina, na sua administração, foram construídos e reformados 97 templos, alguns em fases de terminação, 28 casas pastorais e um prédio escolar.
Pr. José da Silva Neto foi Secretário da Convenção Estadual das Assembléias de Deus no Piauí, durante 23 anos e Exerceu a função de primeiro Vice-Presidente da referida Convenção, há 15 (quinze) anos. É Presidente do Conselho de Ética da CEADEP – Convenção Estadual das Assembléias de Deus no Estado do Piauí, Presidente da Comissão de Temário da União de Ministros da Assembléia de Deus do Nordeste (UMADENE); e Vice Presidente do Conselho de Ética da Convenção Geral das Assembléias de Deus no Brasil (CGADB), Participou de vários Seminários, Conferências, Convenções regionais e gerais, Congressos nacionais em diversos Estados, como: Bahia, Ceará, Espírito Santo, Maranhão, Mato Grosso, Minas Gerais, Pernambuco, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, São Paulo e outros.
Morre Pr. José da Silva Neto em Teresina
Atualmente era o Pastor Presidente da Assembléia de Deus em Teresina (PI), com cerca de 160 Congregações e Sub-congregações.
Pr. José da Silva Neto também tinha a formação escolar em Técnico em Contabilidade e formou-se em outros cursos: Curso Básico em Teologia, pelo Instituto Bereano, Curso Médio em Teologia, pela Escola de Educação Teológica das Assembléias de Deus (EETAD), Bacharel em Teologia (incompleto), Tradução de Lingüística (Sociedade Bíblica do Brasil), Curso de Licenciatura em Educação Religiosa (FASSEM - Faculdade Assembleiana).
O corpo do Pr. José Neto será velado no Centro de Convenções das Assembléias de Deus do Estado do Piauí - CEADEPI (Rua Jacob Martins, 791, Parque São João - Teresina/PI) e o sepultamento acontecerá neste sabado (08.06) as 16h no cemiterio Jardim da Ressurreição, bairro Alto da Ressurreição.